O que é fisioterapia no Brasil?ISIOTERAPIA

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O que é fisioterapia no Brasil?ISIOTERAPIA

Mensagem  Isac em Qua Abr 06, 2011 10:26 am

O que é fisioterapia no Brasil?ISIOTERAPIA

A Fisioterapia se divide em 4 fases distintas:
1. EMPÍRICA - Vai até o Século XIX. Foi até este século empírica e não científica;
2. ELETROTERAPIA - II Guerra Mundial. Fase biológica. Utilização da ionto e galvanização.
3. FISIOTERAPIA PROPRIAMENTE DITA - Entre a I e II Grande Guerra.
4. FISIOTERAPIA REABILITACIONAL - Mutilados de guerra. Era preciso absorver essas pessoas para o trabalho, para que eles se reintegrassem à sociedade. Assim, começou a ser aplicada a FISIOTERAPIA (contemporânea).
HISTÓRIA (fases)
• Em 1944, Getúlio Vargas, após um acidente, sentiu necessidade de Fisioterapia.
• Em 1945, foi construído o primeiro hospital de Fisioterapia, hoje o Hospital Municipal Barata Ribeiro, no Pedregulho. Na época havia a poliomielite que aparecia periodicamente, e neste hospital haviam bons Fisiatras, Massagistas e auxiliares de Fisioterapia.
• Em 1949, criação do IAPI (Instituto dos Aposentados e Pensionistas da Indústria) - Melhor Instituto em Fisioterapia que foi criado. Sedes: Sacadura Cabral, Penha e Henrique Valadares.
• Em 1950, criação do IAPC (Instituto dos Aposentados e Pensionistas do Comércio - Precárias condições de Fisioterapia.
A primeira ênfase na área de Fisioterapia foi dada pela Escola Nacional de Educação Física e Desportos, em 1949, com o Dr Camilo Abud.
Na década de 50:
• criação do IAPB (Bancários) - Vários núcleos de Fisioterapia. Era o Instituto mais rico na época;
• construção do Hospital da Lagoa;
• o IAPI foi o Instituto que mais beneficiou seus funcionários;
• criação do IAPTEC (Instituto dos Aposentados, pensionistas e trabalhadores de Transporte e Cargas);
• todos os Institutos criaram núcleos de Fisioterapia;
• Hospital Geral de Bonsucesso - Fisioterapia muito ativante e atuante;
• criação do IPASE (Instituto dos Aposentados e Pensionistas Marítimos - Não se investiu muito em Saúde.
• Acidente de Trabalho - quem criou esta remuneração foi o IAPI.
DATAS CONCERNENTES A EVOLUÇÃO HISTÓRICA DA FISIOTERAPIA NO BRASIL
1919
foi criado o Serviço de EletroRadiologia na Faculdade de Medicina da USP

1929
criação e instalação do Serviço de Fisioterapia do Hospital das Clínicas em São Paulo

1945
inauguração do Hospital Municipal Barata Ribeiro, assim começando um novo ciclo na história da Fisioterapia no Rio de Janeiro. Lá, existiam de 15 a 20 O.C., de 8 a 12 I.V., 15 F. BIER, 6 Ap. de corrente Galvânica, 4 U.V., 1 piscina de aproximadamente 10m x 25m, dando ênfase a Hidroterapia, havia ainda, a modalidade de duchas, um amplo ginásio com aparelhos de Mecanoterapia, roda de ombro, mesa de Bonnet, polias, passarelas, polley, bicicleta ergométrica e aparelho universal, que, dependendo da posição da colocação do paciente, poderia ser trabalhado contra resistindo qualquer articulação humana.

1947
o Dr Camilo M. Abud organiza um moderno Serviço de Fisioterapia no Hospital Carlos Chagas em Marechal Hermes - Rio de Janeiro.

1949
o Dr Camilo M. Abud faz sua defesa de tese - que se tornou um marco na história da Fisioterapia - na Universidade do Brasil, para ser admitido como Professor Catedrático da cadeira de Fisioterapia Aplicada, na então Escola Nacional de Educação Física e Desportos

1950
reabertura do Serviço de Fisioterapia da Santa casa de Misericórdia, a qual foi anexada em Ambulatório de Reumatologia.;

criação da APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais);

através de uma Portaria do Ministério da Saúde, foi regulamentada a profissão de massagista, e nessa oportunidade, esta categoria profissional ficou com a seguinte divisão:
• MASSAGISTA: aqueles que frequentaram cursos regulares, como os existentes na Escola Nacional de Educação Física e Desportos da Universidade do Brasil;
• MASSAGISTA PRÁTICO: aqueles que não eram oriundos de escolas regulares, mas, faziam cursos livres, tendo, porém, que se submeterem as provas teóricas e práticas que eram realizadas 2 vezes por ano, no Serviço Nacional de Fiscalização de Medicina e Farmácia.
1952
inclusão da Cadeira de Fisioterapia na Faculdade de Ciências Médicas no Estado do Rio de Janeiro, cujo Professor Titular era o Prof Jacinto Campos.

1954
os Doutores Valdemar Bianchi, Élvio Fuser e outros, fundaram a Sociedade Brasileira de Fisioterapia;

último ano em que a Escola Nacional de Educação Física e Desportos oferecia o curso para formação de Massagistas;

Fernando Lemos funda no Jardim Botânico (Rio de Janeiro) a Associação Brasileira Beneficente de Reabilitação (ABBR).

1955
a Escola Nacional de Educação Física e Desportos cria um curso de formação de Técnico em Reabilitação coma duração de dois anos, período integral. Esses técnicos seriam hoje chamados de Fisioterapeutas.

1956
Osvaldo Pinheiro de Campos, Jorge Faria e Antonio Caio do Amaral, criam a primeira escola de reabilitação do Rio de Janeiro, com a finalidade de formar especialistas em Fisioterapia e em Fisioterapia Ocupacional

1969
o Presidente Costa e Silva sofre um A.V.C. (hemiplegia com afaxia). Sensibilizados com o bom tratamento dado ao Presidente pelos Fisioterapeutas, a Junta Militar resolve decretar a criação da profissão;

os Ministros da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, decretam a criação das profissões de FISIOTERAPIA T. O. e seus auxiliares em 13 de outubro de 1969.

1975
o Presidente Ernesto Geisel cria o Conselho Federal de Fisioterapia (COFFITO) e o Conselho Regional de Fisioterapia e T.O. (CREFITO), através da Lei 6316 de 17/12/1975.

a criação desses Conselhos se deve a implantação, meses antes, do Plano de Classificação de Cargos no Serviço Público Federal, que num artifício para tentar diminuir cargos e carreiras, englobavam diferentes profissionais com a mesma denominação. Por isso, que desde essa época, os Fisioterapeutas, T.O. e Fonoaudiólogos ficaram sob a denominação de Técnicos de Reabilitação, perdurando assim até 1984.

1984
surge a primeira unidade de Fisioterapia da América do Sul, com a criação do Serviço de Fisioterapia do Hospital da Santa Casa de Misericórdia, equipado com equipamentos de Hidroterapia e Eletricidade Média;
o Presidente Figueiredo teve hérnia de disco e viu a valorização da Fisioterapia. Nos retirou da condição de Técnicos de Reabilitação e colocou como T.O.
em fevereiro nos colocou como FISIOTERAPEUTAS;
em setembro modificou a terminologia usada no Serviço Público de Técnico de Reabilitação e engloba a todos com T.O.

1994
através do Decreto 90.640 de 19/12/1994, tivemos a identidade profissional reconhecida no Serviço Público Federal.
E mais, essa Lei nos dá o direito de AVALIAR, ORIENTAR, PRESCREVER E COORDENAR A FISIOTERAPIA na saúde pública em geral.
Aluno: Isac Henrique Viana Maia Alves

Isac

Mensagens : 2
Data de inscrição : 06/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum